quarta-feira, 31 de julho de 2013

45 ANOS



Então vamos lá! Amanhã é o dia do meu aniversário... 45 anos! É, não sou uma garotinha não... Mas estou aqui, firme e forte! Vivi muito bem estes 45 anos. Viajei, trabalhei, "festei", namorei, enfim, fiz de tudo e mais um pouco. 

Nasci numa família maravilhosa! Meus pais, são os melhores!!!!! Tenho duas irmãs maravilhosas, que me deram sobrinhos maravilhosos!




Encontrei - ou fui encontrada por - um homem maravilhoso! Que compartilha sua vida comigo e me faz sentir importante! Formamos uma família linda! Com amor, carinho, repeito, companheirismo, cumplicidade e tudo de melhor que pode existir neste mundo. 
Não nos casamos! Quero dizer, não assinamos um contrato de casamento! Mas nossa união é uma das mais abençoadas por Deus! Quem sabe um dia a gente ainda faça uma cerimônia cheia de flores e amigos! 
Não tive filhos! Quando eu era mais jovem, perdi um bebê no começo da gestação, num aborto espontâneo. Depois disso, não tive a sorte de engravidar novamente. Esta é a minha grande frustração nesta vida...
Sou uma pessoa muito aberta e às vezes chego a ser ingênua! Ainda acredito no ser humano! Quase sempre quebro a cara! Nossa casa vive cheia de amigos! Adoramos receber! Confraternizar sempre!!!!

Meu pai, que sempre foi meu melhor amigo, foi embora! Sinto muito a sua falta... Não ouço mais: - "Filha, o papai está aqui, sempre!" 
Fiz esta tatoo quando tinha 36 anos! Velhinha né? - risos É que meus pais nunca gostaram muito de tatoos, e como é uma coisa que não sai mais, eu precisava ter certeza de que queria mesmo. Assim, quando tive certeza, fui lá e fiz. Ficou linda! Eu adoro!
Como fui guia de turismo durante mais de 10 anos, viajei muito pelo Brasil. Pra fora, só fui a Buenos Aires, Valência, Madri e Paris. Mas ainda tenho planos de viajar muito!


Gosto de moda, mas hoje já não me visto na "última moda" - primeiro porque não tenho o "corpicho" que tinha antes, e outra porque a gente vai se adaptando, e nem tudo que está na moda combina com nosso corpo, nossa mente e nosso estilo de vida. Quando tinha lá, entre 15 e 26 anos, fiz muita campanha publicitária, em jornais, revistas e TV. Poucos desfiles, pois a altura nunca ajudou.
Hoje sou tradutora e trabalho em casa com meu marido.  Nas horas vagas trabalho com marketing/divulgação para os amigos e o blog.
Gosto de artesanato, culinária e decoração. Nossa casa é bem decorada! Ao nosso estilo, é claro. Sempre buscamos coisas diferentes. E misturamos todos os estilos. E os amigos dizem que adoram minha comida... 
Resolvi escrever um blog, pra contar minhas experiências, dar dicas, receitas e compartilhar tudo o que eu acho bom nesta vida. Não sei se gostam ou não, mas eu gosto! E como não atrapalho ninguém, acho que vou continuar por aqui.
Gostaria que as pessoas pensassem menos no dinheiro e aproveitassem mais a vida! Sei que ele - o dinheiro - é necessário! Mas tem tantas coisas que podemos fazer sem ele e que nos faz tão feliz! É só usar a imaginação! Não tem dinheiro pra mandar flores pra namorada? Pegue uma no jardim, ou mesmo no mato! Aliás, no mato tem umas lindas! O papai não voltava pra casa sem trazer uma florzinha para a mamãe. Mesmo quando ele só ia colocar o lixo na rua!



Não sou uma pessoa fácil... Tenho muitos defeitos! Sempre fui muito mimada e paparicada por todos. Sou centralizadora, mandona e cabeça dura. E no meu espaço quem manda sou eu! - risos Mas sou do bem! Respeito quem me respeita e tento não invadir o espaço alheio. Não suporto mentiras, por menores que sejam. Não sei que dom é esse que tenho, mas a verdade sempre cai no meu colo! E, há algum tempo, resolvi não compactuar com mentira alguma... Perdi alguns amigos por conta disso... Mas... Fazer o que? Não dá pra agradar todo mundo o tempo todo!


Bem, o Alê - meu marido - sempre pergunta aos aniversariantes do dia: - "Qual a reflexão do dia?". Vou fazer minha reflexão um dia antes:
Eu vivi muito e muito bem.
Errei muito, e acertei um pouco; 
Passei fome;
Vivi em mansões e em barracos;
Comi caviar e pão duro;
Ri muito... e chorei muito;
Me alegrei e me magoei:
Amei  muito e fui muito amada.
Pesquei, rezei, pulei, dancei, comi, bebi e me diverti - com muito e com muito pouco!
E hoje posso dizer que sou uma mulher FELIZ!
Minha vida vale muito!
Um brinde à vida!
beijocas,
Lyli

















REFLEXÃO DOS 4.9!!!

Completei 49 anos! E como todo ano, veio a pergunta do Alê: - "Qual a reflexão do dia?". Desta vez foi bem fácil! A reflexão é: ...